Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2013

A vida não é só corrida...é também natação!

Eu faço natação desde pequena. Acho que comecei quando meu irmão teve uma crise de bronquite e lá fomos os dois. Mas pode ser que meus pais tenham me colocado só para aprender a nadar, o que também é super válido, para não ser daquelas que não pode ir na casa da amiga que tem piscina funda, nem na praia, porque não sabe nadar...papelão. No meu caso, sendo criada em Floripa, e indo para o Rio com freqüência, fazia mais sentido ainda não morrer afogada. Nadei até uns dezoito anos, mas nunca fui de competir, morria de vergonha (sim, sim). Aliás, tinha vergonha já de usar o maiô, touca, e fazer o aquecimento em volta da piscina. Inclusive, só de lembrar tenho vergonha de novo, eu cresci rápido, o maiô ficava esticado no meu corpo, era péssimo. Na época, meus ombros e costas ficaram, digamos, bem desenvolvidos. Não era lindo, eu já era magrela (de verdade), e aquele ombrão, sei lá, meio estranho, e acabei parando, e fiquei muitos anos sem nadar, quero dizer, sem treinar natação. Quando fu…

Se chama a corrida de treino, então não são férias...

Eu tinha uma planilha para dezembro e inicio de janeiro. Feita do jeito que eu pedi para o Everton: só tres dias na semana, para não forçar, e incluindo corrida na praia, para eu curtir. Se ele ler este post vai dizer que eu tenho, e não que eu tinha, porque ainda não acabou. Sorry, eu tinha a planilha...porque não segui. E agora já superei inclusive a culpa de não seguir a planilha, que foi o mais difícil. Isso aconteceu, primeiro,  porque eu percebi que realmente estava em recesso.  De tudo. A vontade de correr levou dias para aparecer, e veio acompanhada de uma lerdeza sem fim...ai que cansaço. Cansei do ano de tantas provas, de treinos, de tiros, treino run, longos, tudo isso. Me vi sem disposição para correr, e as pernas ficaram tãããão pesadas... Então eu não corri. Não corri mesmo, tanto que não fui fazer a prova noturna de Bombinhas, e eu estava inscrita!! Ah, estava chovendo, não tinha com quem deixar o Arthur, tinha que ir cedo para buscar o kit, e ficar lá esperando...Então…

Que venha 2013!

Os últimos meses do ano foram difíceis. Muito trabalho, então todo o tempo que sobrava (que era pouco) era para a família e correr. Escrever, só sentença. Mas agora o trabalho está mais calmo, estamos em recesso, e posso pelo menos fazer um balanço do ano de 2012. Foi um ano muito intenso na corrida. Tanto que resolvi compartilhar com as pessoas pelo blog. Como vou precisar de vários posts para falar de assuntos atrasados (e preciso fazer isso, porque foram varias provas que preciso compartilhar), este é só para falar do que foi mais marcante em 2012. A corrida de superação do ano foi o Mountain Do Lagoa da Conceição. Quanta coragem do Everton, meu treinador, de me convidar para fazer dupla com ele. Eu nunca tinha feito Mountain Do, e achava que não tinha nada a ver comigo. Mas como já fiz Volta à Ilha duas vezes, e K12 Bombinhas, achei que poderia ser até uma boa ideia. Mas em dupla...já era meio maluquice. Só que o Everton disse que eu era capaz, que ia dar certo, era só treinar. …