Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2013

para não deixar de falar de Floripa...

Meia maratona de Floripa da O2. Mais do que uma prova de corrida, uma festa para corredores. É um evento. Dos grandes.Super kit, super estrutura.
Já foi no outro domingo, mas nesse tempo teve dia dos namorados, me empolguei...
Ainda assim, tenho (como sempre) umas palavrinhas sobre a prova. Mudou o percurso. Nas duas primeiras edições, a largada era no estreito, bairro de Floripa que fica no continente, na nova beiramar continental, lugar lindo, todo novinho, sei que falei da prova ano passado, porque o mais legal era correr em cima das pontes que ligam a ilha ao continente. Pois então, este ano foi tudo para a beiramar norte, no centro de Floripa, ou seja, muito semelhante à meia maratona da Caixa que aconteceu em março.  Quando me inscrevi, quis fazer os 21km por causa do percurso, então foi uma decepção quando foi alterado, tanto que tentei mudar minha inscrição para 10km, mas não era mais possível. Tudo bem, já estava  me pseudo-preparando para os 21.
Muita gente reclamou da muda…

Casais correm...ou não

Já vou logo avisando, para quem ainda não sabe, que não sou uma pessoa fofa.  Então, não acho linnndo nem faço "óin" quando vejo casais na linha de chegada de mãos dadas, um atrasando a corrida do outro. Acho mesmo isso, que correr de mãos dadas é desconfortável e inútil. Vou dizer o que me emociona: é o cara (sim, o cara, não a menina, a mulher, e sim o cara) acordar junto com a namorada/esposa/mina/gata, no dia da prova de corrida que SÓ ELA vai fazer, tomar café com ela, ir junto na largada, e estar lá na chegada (pode fazer o que quiser no interim, inclusive tomar cerveja e olhar as meninas bonitas correndo). E sem cara feia. Só na parceria. E digo o cara porque a gente vê mais meninas fazendo isso pelos seus homens do que o contrário...infelizmente.  Para mim,  feliz não é a mulher que corre com o parceiro, é a mulher que corre tendo o apoio do parceiro.  E é uma pena que nem sempre tenha,  porque se a mulher for correr com um bom clima para isso, com apoio, ela vai vo…

Iron people e nós

Domingo passado teve Ironman em Jurerê, Floripa. Para quem não sabe (eu não sabia muito bem até ano passado), é uma prova de triathlon, com 3.800 metros de natação no mar, 180km de ciclismo, e 42,195km de corrida. Sim, isso tudo. A gente fala que fazer uma maratona é muito, né? imagina depois de nadar e pedalar isso tudo?! Coisa de maluco? Sim, de muuuitos malucos. Ano passado fui assistir a parte final da corrida, a chegada, em uma arena com arquibancada. É muito emocionante ver a coroação do esforço, do preparo, da dedicação de meses, e em alguns casos, anos, que permitem que o sujeito esteja ali. As famílias passando junto no portal de chegada, não só esposas, maridos e filhos, mas mães, pais, avós, todo mundo vibrando junto. Lindo mesmo. O meu iron coach Everton fez ano passado e de novo este ano, e eu acompanhei a rotina de treinos dele. E realmente, não é para qualquer um. Precisa treinar muito, e não só treinar, mas ter uma estrutura que permita o treino. Equipamentos (do cicl…