Postagens

Mostrando postagens de 2015

I ran Amsterdam 2015

Legal né? Super falo holandês, vocês não? Essa era a frase nos itens comemorativos das provas de corrida de Amsterdam este ano. O tema era Calling the Super Heros! em inglês mesmo, uma graça.  Tudo isso para contar que sim, fui correr em Amsterdam, como deu para perceber no facebook, instagram, e snapshat da Debs Aquino (eu não tenho, não vi, mas me disseram que apareci à beça). Bom, vamos pelo começo. Primeiro, esclareço que os meus posts (acho que vou fazer dois) vão ser uma visão beeem pessoal (como sempre) da viagem e da prova, e do que envolveu tudo isso para mim, inclusive suplementação e alimentação. Para ter uma noção de Amsterdam como cidade, passeios, lugares, recomendo o Ducs (www.ducsamsterdam.net, ótimo blog sobre a cidade de alguém que foi morar lá) e o da Debs Aquino (www.blogdadebs.com.br), que foi com espírito mais turistico do que eu e já fez dois posts ótimos. Esse primeiro dos meus é mais focado na prova.  Então. A ideia não foi minha, foi da Simone, que queria correr…

Reinvenções do novo ano

Então pessoas, voltei!! A regularidade realmente está deixando a desejar, e nem é por falta de assunto, quem me conhece sabe que sempre tenho assunto, só falta tempo...mas então. O tempo. Que mudanças incríveis ele produz na vida da gente. Não sei se já disse isso, mas eu, como virginiana que sou, sou apegada a rotinas e hábitos. Mas não acho isso bom, então luto. Bravamente. E promovo mudanças propositais, às vezes nem tão desejadas, mas que considero importantes, até que as deseje e eu as incorpore. Em outras vezes, as mudanças aparecem para mim, como boas ideias, intuitivamente. E sigo. Há alguns meses, encontrei com uma amiga de colégio que encontro pouquíssimo hoje em dia, mas de quem gosto muito. Éramos também vizinhas e revezávamos carona de manhã. Ela era super ótima em todos os esportes: handebol, volei, basquete, corrida, tudo aquilo que se fazia na educação física do colégio e nas olimpíadas que ocorriam uma vez por ano. Aliás, várias amigas eram assim.  Pois nos encontram…

Sublimática Volta à Ilha

Imagem
Já penso em escrever sobre nossa Volta  à Ilha desde muito antes da prova acontecer. Agora que já passou, tenho até dificuldade, porque me emociono quando lembro de vários eventos na nossa trajetória, e de tudo o que aprendemos. Claro que muita gente teve dificuldades para a prova, cada equipe tem sua história, e aqui está a nossa. Sem mimimi, a vida como ela é. Desde 2012 estamos alimentando nosso sonho de formar uma equipe feminina, de preferência de competição. Quase todo mundo que lê o blog deve saber, mas  importante lembrar que a Volta à Ilha  não é uma prova exatamente como as outras. Isso porque, de início, não basta se inscrever. Na verdade, você não pode se inscrever. É em equipe, necessariamente (no mínimo 2), para correr 140km em Floripa, contornando a ilha, ou seja, no melhor cenário possível. Isso atrai muuuuitos interessados, certo? Ah,  você deve conquistar a vaga da sua equipe. Como? Vencendo outras provas organizadas pela Ecofloripa. Ou mediante sorteio de vagas, o …

Salgado de maromba - Receita!!!

Férias...época de estocar. Sim, é o que eu faço. Estocar comida. Normalmente não tenho tempo de deixar minhas coisinhas prontas para lanches e jantares, então aproveito as férias para preparar as bases, normalmente as proteínas das refeições e deixar tudo congelado. Nos dias de apuro, só aquecer e comer com salada, legumes, quinoa, massa... Quibe, hamburguer (receitas da Nádia, originais e adaptadas), torta de carne, frango ensopado, molho de tomate (funcional do nutricionista André)...hoje foi dia de salgado da maromba, receita original da nutri Nádia, mas eu sempre acabo mexendo. A que eu fiz hoje é com brócolis, mas a original é com batata doce. Como estou em fase de redução de carbo, uso brócolis, e também dá com couve flor. Salgado da maromba é ótimo para levar para o trabalho e só esquentar, para o lanche da tarde. Bem proteico, bem nutritivo, sem cara de frango-com-batata-doce de sempre. É facil, como quase tudo o que eu faço. Ingredientes: - 100gr de frango cozido (hoje usei …

As pessoinhas...

Em desenho animado ou gibi, quando a pessoa tem que tomar uma decisão, aparece o diabinho em um ombro e o anjinho em outra, todo mundo já viu isso. Então. Acho que não é só um anjinho e um diabinho, acho que são várias pessoinhas que habitam nossa mente e aparecem vez ou outra para dar pitaco.  Não, eu não ouço vozes. Nem vejo duendes. Não desse jeito de precisar de ajuda psiquiátrica. Mas às vezes é como se partes do meu corpo ou da minha mente virassem pessoinhas e falassem comigo. Ah, nunca aconteceu com mais ninguém? Duvido. Sábado ou domingo, treino longo. A pessoa não acorda no horário programado, mas tem os zilhões de km para correr (a quantidade de zilhões é individual). E então vem o anjinho e diz: vai  lá e cumpre a missão, e no final toma um super whey com bcaa e glutamina. Mas o diabinho também aparece e diz: já está perdido, isso nem é mais hora, vai direto começar a tomar cerveja que é o que você realmente quer fazer. E como a vida não é preta ou branca, e sim cheia de …

Pois não é que gelo queima?

Então fui correr. Não, não é bem assim. Dr. Tiago me autorizou tentar trotar na areia fofa, descalça, para ver como me sentia, sem impacto. Mas com esforço. Primeiro, porque para correr na areia fofa em Balneário Camboriú tem que ser cedo. Mais tarde não tem areia sem gente, e o que tiver, é fervente. Segundo, porque normalmente correr na areia fofa já exige mais preparo e esforço de quem treina, então depois de três meses sem correr,  ir direto para a dita cuja, não é moleza. E terceiro porque dá o medinho.Mas pelo menos estava me sentindo super na moda, porque as revistas todas mandam correr na areia, como se fosse a coisa mais baba do mundo. Lá fui eu, primeiro dia. Com relógio, e não gps, porque o tempo era meu guia, mas não o pace. Aliás, o que é pace neste momento? A ideia era caminhar, trotar, caminhar, e fazer isso por uma meia hora. Consegui correr direto por dez minutos. E me senti bem, quando a gente recomeça, incrivelmente e após rezar para os deuses da corrida (como li n…

Voltei!! Diário da Lesionada...

Excesso de trabalho+falta de tempo+lesão no tornozelo = chá de sumiço e abandono do blog. Depois da meia maratona do Rio, tive uma big crise de sinusite que me derrubou e tive que tomar muito remédio para participar da Volta à Ilha de São Francisco do Sul, uma prova linda, em equipe com as meninas do Clube Bela Vista, que valia um post, com certeza, mas na época não tive tempo realmente de escrever, estava trabalhando demais.  A prova no Rio já tinha sido dura, e em São Chico estava um calorão inesperado, com três trechos para mim, sendo um na praia com a travessia do riozinho (fotos no face), um de asfalto sem sombra nem brisa, e um do mesmo jeito, mas em subida contínua. Para quem estava se recuperando, nada bom. Valeu pela turma, pela chegada, pela diversão no caminho. Prova aprovadíssima que recomendo. Pena que eu não estava 100%. E eu quis fazer uma das provinhas mensais do Bela Vista, à noite, em uma quinta feira, porque nunca tinha ido, só 5km. E depois tinha corrida para as …